Menu e Textos Alma das Flores
Banner

Cadastre-se e receba newsletter

    

 

 

Num determinado momento do aqui e agora: a distinção entre o existente na nossa realidade; o possível de existir, caso se faça isto ou aquilo outro; e o inexistente. Saudável percepção, sem ilusões, inverdades e sofrimentos vãos. Uma verdade existencial: a realidade é mutável, impermanente, e depende de inúmeros fatores. O que não pode faltar em um caminho escolhido: amor e amor próprio.

 

  
 


 

 

 

Jardim da Felicidade

 

 

Jardim da Felicidade

Rosana Uchôa

10/09/2014


Agradecer intimamente às pessoas agradáveis e às desagradáveis pelas oportunidades de desenvolvimento e de expressão da compaixão a todos os seres. Sem elas não seria possível passar por essa etapa do caminho: a paciência. Não é preciso dificultar as circunstâncias, porque certamente ocorrem em algum momento ou outro, mas aceitá-las, contornando-as, quando necessário, mantendo o equilíbrio e a serenidade em todos os acontecimentos "teste". A nossa felicidade não precisa ficar submetida às circunstâncias favoráveis ou desfavoráveis: Somos a felicidade. Ela reside perene dentro da gente. Não somos o subproduto da felicidade alheia. Somos a expressão da felicidade e da amizade, e por esta simples razão atraímos seres que pensam e sentem felicidade por natureza intrínseca. Que todos os seres sejam felizes, incluindo a nós mesmos, descobrindo as pétalas das verdadeiras causas da felicidade e da alegria, e as expresse em seguida por essência única e destino, florescendo harmonioso jardim.

 

 

planetafuturo © Copyright 2000